Imagem

Imagem
(Crédito da foto: www.santoscity.com.br)

segunda-feira, 3 de abril de 2017

Precisamos falar sobre... O FUTURO dos pacientes (e OS FUTUROS pacientes) com Síndrome de Irlen!!!

Por: Débora Rossini 

Ooooopa!!! Vira e mexe, vem umas ideias na minha cabeça - que ganham mais força ainda quando converso com outras pessoas! E uma delas é exatamente o assunto desta postagem! 

Publiquei na minha fanpage "Driblando e Vencendo a Síndrome de Irlen", publiquei também no grupo fechado "Síndrome de Irlen, e Agora?", e, agora, publico também aqui... de forma que atinja um público maior, hehe! 

E senta que lá vem textão!!! Mas é algo de imensa utilidade pública para quem tem Síndrome de Irlen, bem como seus respectivos filhos com o mesmo distúrbio de visão! =D 

Bom, vamos ao que interessa:
Uma coisa que acho de extrema importância é que MAIS OFTALMOLOGISTAS BRASILEIROS possuam o credenciamento para aplicar o teste oftalmológico de prescrição de óculos de Irlen! 

Diferentemente dos ''Screeners'' - profissionais (com formações na área de educação ou de saúde) que fazem o rastreio inicial e recomendam overlays e papeis coloridos para leitura e escrita- e que FELIZMENTE têm ''às dezenas" pelo Brasil afora, credenciados pelo Hospital de Olhos Dr. Ricardo Guimarães - sabe-se que OFTALMOLOGISTA credenciado para receitar este tipo de óculos no Brasil só tem um no Brasil todo - é em Belo Horizonte, no Hospital de Olhos Dr. Ricardo Guimarães (e que é EXCELENTE!!!)  Isto porque, para ser credenciado para receitar os óculos de Irlen, o oftalmo deve fazer um treinamento no Instituto Irlen, na Califórnia (EUA). 
[EDITADO] : Fico pensando: seria muuito bacana se, da mesma forma que a Fundação Hospital de Olhos capacita Screeners para atuarem no Brasil inteiro - de forma a atenderem pacientes localizados Brasil afora- será que não haveria a possibilidade de a referida instituição conseguir - ou ser mediadora - para capacitar também Oftalmologistas, para aplicarem o teste de óculos com filtros espectrais? (Sei que é o Instituto Irlen dos EUA quem fornece tal credencial para os oftalmos, mas será que não haveria possibilidade de tempos em tempos, a Fundação Hospital de Olhos trazer algum representante de lá, de tempos em tempos, para dar o treinamento aos oftalmos aqui no Brasil mesmo, sem que estes tenham de viajar para os EUA para obter o credenciamento?) Seria situação análoga a quando uma pessoa obtém uma certificação de proficiência em um idioma (língua inglesa, por exemplo), emitida por uma instituição internacional, mas com o treinamento e prova realizadas no Brasil, em uma instituição credenciada. 
 E por que defendo que devam haver MAIS oftalmologistas brasileiros credenciados a aplicar o mesmo teste que a Dra. Márcia Guimarães? (e que, até o momento, somente ela tem o credenciamento, no Brasil inteiro?) 

Primeiramente, porque muitos pacientes, principalmente de outros estados mais distantes de Minas Gerais, não tem condições financeiras de viajar a Belo Horizonte todo ano para fazer o tratamento... Imaginem então em famílias nas quais tem MAIS DE UM paciente com Irlen?? Pois é...  Então, se houvessem mais consultórios oftalmológicos em outras cidades e Estados, também, que aplicassem o teste para os óculos com filtros, iria ajudar MUITO quem mora em regiões mais afastadas geograficamente de Belo Horizonte/MG- pois teriam o tratamento mais próximo às localidades onde moram!

Em segundo lugar, sabemos que este trabalho feito pela Dra. Márcia Guimarães, que é uma profissional TOP e ''SHOW DE BOLA", é algo que NÃO PODE PARAR!

Mesmo sabendo que gerações anteriores às nossas com certeza tiveram Síndrome de Irlen e nem soubessem, não tem como negar que nos dias atuais os efeitos desta Síndrome nas pessoas é mais impactante E SEVERO do que há 15, 20 ou mais anos atrás. Afinal, o MUNDO ao nosso redor MUDOU MUITO - não só em relação ao ambiente em si, mas também em relação à maior exigência de atividades de leitura e escrita, maior exigência de escolaridade, maior exigência de trabalhar o dia inteiro em computador (sendo que antigamente essas tarefas eram feitas em papel mesmo), etc. 
O mundo atual se encontra mais ''hostil" a quem tem Síndrome de Irlen, devido ao fato de ter mais telas luminosas, mais letreiros luminosos, mais carros em movimento nas ruas - o que ''dificulta nossa vida como pedestre, exigindo o dobro de nossa atenção", mais pessoas desatentas com o celular ao nosso redor (que, por termos problema de visão, não as detectamos o tempo todo, e que podemos colidir ou sermos atropelados por elas)... Ou seja, tratamento de Irlen é algo ESSENCIAL para a vida moderna - sob pena de ficarmos à margem da sociedade - GERANDO NÃO SÓ INCAPACIDADE, mas também PREJUÍZO À ESCOLARIDADE (cada vez mais exigida!) e DESEMPREGO!!!
 Imagine esse mesmo mundo, daqui a alguns, anos, no qual a tendência é de que essas exigências sensoriais só aumentem CADA VEZ MAIS??? 

Então, notem que as pessoas de HOJE podem contar com o belo trabalho da Dra. Márcia... mas as gerações dos nossos filhos e netos -ou mesmo a geração dos pacientes adultos-jovens que já faz o tratamento (mas que terá de seguir o tratamento pelo resto da vida) -  poderão ficar prejudicadas futuramente, caso mais oftalmos não façam cursos e especializem como a Dra. Márcia!!! Afinal, quando ela, dentro de algumas décadas, se aposentar (depois de uma vida profissional de intensa dedicação ao ser humano!), quem irá continuar com este brilhante trabalho??? :-O Corre o risco de retrocesso - ou seja, de muita gente ficar sem ONDE nem COMO fazer tratamento de Síndrome de Irlen... num mundo que, conforme dito acima, exige cada vez mais das nossas condições sensoriais (sobretudo visuais), de atenção e de concentração!!!

E vocês, o que acham disso? Precisamos falar sobre este assunto... Passem adiante a outros pacientes, e seus respectivos pais, também! ;-) O que juntos, nós, pacientes e respectivos pais, podemos fazer desde já??? Compartilhem em suas redes sociais!!! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário